Camilo Lucas

O território musical mais sujeito ao surgimento de lendas é o rock. O jazz e o blues também, a bossa nova com certeza; mas o rock é “o” criador de lendas. E provavelmente a mais famosa delas é a rivalidade entre os Beatles e os Rolling Stones, alimentada anos a

Leia Mais
Cind Canuto

Ontem o meu time ganhou e eu não assisti ao jogo. Não sei bem por que chamo de meu time. Deve ser porque torço para ele desde que vim para Minas. Sempre que ele ganha fico feliz e sempre que perde não ligo a mínima, porque não tenho que ficar

Leia Mais
O que que há

“Adoro os convictos, principalmente quando eles estão errados” “O casamento é um acordo que precisa ser renegociado diariamente” “O maior triunfo do artista é a própria morte” “Escrever poesia é fácil, difícil é fazer com que alguém a leia” “Se tivéssemos o controle de nós mesmos já seria um grande

Leia Mais
Fábio Almeida

Até que enfim é sexta feira. Ainda bem que não é Sexta-feira 13 e mal posso esperar Os embalos de sábado à noite. Também pudera, hoje tive Um dia de cão. De cão não, foi O dia do chacal, pois com o calor que estava fazendo, tomaria Um drink no

Leia Mais
O que que há

O centro de pesquisas subliminares dos impublicáveis descobriu que o pulmão dos versos dos cigarros é um velho fantasma que não parou de fumar nem depois do naufrágio que o matou.

Leia Mais
Robert de Andrade

Meu pai me ensinou a trovejar Na hora certa pros demais engolir o choro Pra saber o motivo válido das coisas a reclamar Pois bom da vida é como ouro Tipo aquelas tardes que o sol pousa nas costas do mar Enquanto a maldade é querela que se sente no

Leia Mais
Robert de Andrade

Eu devia era me perder na vontade de ter o tempo todo, mas de quando em quando sou tomado por um desejo de desvendar o que me faz te buscar em tudo, a todo instante. A distância me causa a estranha impressão de te possuir, não como alguém que aguarda

Leia Mais
Barroso da Costa

Como muitos sabem, é nossa capacidade de esquecer que nos permite sair do presente, revisitar o passado e nos projetarmos no futuro. É esse potencial de esquecimento, de criar uma falta no espaço do imediato, portanto, que nos torna humanos, sendo inerente à concepção do que é humano a capacidade

Leia Mais